11 de Outubro de 2015

Diário de sábado: Que horas ela volta? e Food Truck

Bom dia, galerinha! Tudo bem?

Depois de passar dois finais de semana trancados em casa por causa da conjuntivite, eu e o Vi resolvemos aproveitar o sabadão em liberdade. Para começar, fomos assistir ao filme nacional – Que horas ela volta? Desde que começou a ser divulgado na televisão, fiquei bastante curiosa para conhecer a história e quando vi que ele estava fazendo parte da programação do novo cinema da UFF e custando apenas R$12,00 o ingresso, não pensei duas vezes e lá fomos nós.

Que horas ela volta

Gostei muito do filme e acho que ele é um tapa na cara da sociedade. Nós que nos achamos justos, bonzinhos, e por aí vai… Cometemos muitas das falhas daquela família de classe média alta retratada na história. Não paramos para pensar em como somos hipócritas, mas o filme nos mostra isso de uma maneira escancarada, fazendo a gente repensar algumas atitudes, que muitas vezes passam totalmente desapercebidas no nosso dia a dia. Não deixem de assistir ao filme! Recomendo bastante.

Depois do cineminha, estávamos morrendo de fome. Aproveitamos que estava rolando o Food Truck no Campo de São Bento e passamos lá para conferir. Bem maior e mais organizado que a edição passada, dessa vez deu para andar tranquilamente, tinham vários pontos para comprar fichinhas, vários lugares para sentar, show de voz e violão e não pegamos fila em lugar nenhum. Ou seja, está imperdível!

Para começar a comilança, paramos no Só Coxinhas. Eu queria ter experimentado da última vez, mas desisti por causa da fila. Ontem eu consegui!! Pedimos o copinho de coxinhas de alho poró com cream cheese e a de frango. Estavam deliciosas! Acho quase impossível uma coxinha ser ruim, não é mesmo?

só coxinhas

Como a gente não tinha almoçado – e também porque somos muito fominhas!! – , só as coxinhas não foram suficientes. Passamos no Mendonzitos e eu resolvi provar o vinho de verano. Confesso que fiquei um pouco em dúvida, pois como eu amo vinho, morri de medo de que o suco de laranja com o H2O, assassinassem a minha bebida favorita. Mas a atendente disse que era gostoso e eu resolvi arriscar. Amei!! É bem refrescante e não é doce. Vinicius provou uma cerveja que infelizmente eu não lembro o nome. Como fiz promessa e vou ficar sem a gelada até abril do ano que vem, procuro nem olhar muito para não ficar com água na boca.

Para acompanhar o meu drink, comprei um choripan – cachorro quente uruguaio que eu amo!!! – e que vinha acompanhado do molho chimichurri mais gostoso que já comi!! <3 É delicioso! Se vocês ainda forem passar no Campo de São Bento hoje ou amanhã, não deixem de ir no El Patron! Estava tão gostoso que teve repeteco.

food truck

Vinicius ainda comeu um pastel de costela no Ribz e achou bem gostoso também. E para finalizar, rolou também um bolo de banana que o Vi teve que comer sozinho, pois eu achei muito massudo e seco. Não lembro o nome da barraquinha que compramos esse, mas não comeria de novo.

Fica a dica dessas delícias para quem ainda vai aproveitar o evento em Niterói. Beijos para vocês e bom feriado!

Veja mais posts sobrecomidas Dicas food truck