02 de Janeiro de 2017

Guarde seus objetivos para você

Uma das minhas metas esse ano é assistir uma palestra nova todo dia. São tantas coisas legais que tem pela internet, tanto conteúdo bom e gratuito, que eu pensei que é uma ótima maneira de aprender alguma coisa nova todos os dias.  E foi assim que ontem, assisti uma palestra do TED chamada Guarde seus objetivos para você.

Confesso que no primeiro momento eu pensei em nem assistir, pois imaginei que o cara falaria que se você conta as coisas para os outros, elas acabam não se realizando por causa de inveja e da energia que outras pessoas acabam colocando em você. Mas depois eu acabei optando por assistir, mesmo que ele fosse dizer mais do mesmo.

Bom, os três minutos acabaram me surpreendendo de uma maneira bastante positiva. Ele sugere que você guarde seus objetivos para você, não porque a energia do outro pode te fazer mal. Pelo contrário, ele diz que você contar algo que queira realizar, acaba não dando certo, pois as pessoas elogiam a sua força de vontade – que na verdade, na maioria das vezes é apenas uma ideia ainda – e você acaba já se sentindo satisfeito com aqueles elogios, como se já tivesse realizado a ação para cumprir aquela meta.

Fiquei pensando sobre isso e acredito que realmente seja verdade. Por exemplo, se você vai malhar e fazer dieta, mas antes disso você já começa a descrever para as pessoas tudo o que planeja fazer para perder peso, quando todo mundo começar a elogiar a sua iniciativa, seu cérebro já recebe aqueles elogios como se você já estivesse emagrecendo. E aí, você acaba não tendo tanta empolgação depois para levar aquilo tudo a sério, pois é como se você já tivesse sido recompensado.

Então, não contar seus objetivos para outras pessoas não quer dizer que você vai ficar livre de “olho gordo” e que por isso vai dar certo. Na verdade, você vai parar de se sabotar e vai receber a recompensa apenas no final, quando realmente tiver concluído aquele seu objetivo.

Não é um pensamento interessante para a gente adotar nas nossas vidas? Temos que ficar atentos a todo momento. Eu, por exemplo, já comecei o texto contando um dos meus objetivos de 2017 – risos!  Não me deem recompensas, por favor!! kkkkkkkkk…

Veja mais posts sobreaprender conhecimento objetivos palestra TED