20 de Outubro de 2015

Minha amiga vai morar longe e agora?

Todo mundo já viveu ou vai viver essa experiência uma vez na vida. Eu já vivi várias! Foram muitas as amigas que precisei me despedir por um breve momento ou por muitos anos. Mas o que acontece quando elas decidem seguir novos caminhos, tentar a vida em outros lugares? A amizade acaba? Só se você quiser.

As minhas melhores amigas que foram morar na Espanha (saudades, Rê!!), Portugal e Estados Unidos, continuam e vão continuar sendo tão importantes na minha vida quanto eram quando moravam aqui do lado. Cada uma de um jeito, assim como era quando estavam aqui.

Uma delas já se mudou há quase dez anos, sempre que ela vem visitar o Brasil é como se nunca tivesse ido embora. Não precisamos conversar todos os dias para saber que podemos contar uma com a outra sempre que precisarmos. Estamos na torcida por realizações, choramos juntas quando acontece algum problema e nos falamos sempre que a saudade aperta.

Mas o que fazer quando é a amiga que você vê todos os dias desde a época da escola, aquela que mora na rua ao lado da sua e que sempre te faz companhia quando você precisa? Como essa amizade pode continuar igual se ela for para outro país? Muita gente diz que as coisas mudam e a amizade não é mais a mesmo depois de um tempo, mas eu acho que isso só acontece se você deixar.

amigas

A Natalinha, minha amiga que foi para os Estados Unidos, é exatamente esse caso. Estudamos juntas no ensino médio e vivíamos grudadas. Ela era a minha companheira de corrida na praia, de risadas infinitas, de desabafos, de passar horas e horas fofocando no telefone. Como poderia continuar tudo igual se ela foi para tão longe?

Posso garantir que isso foi possível. E vocês sabem como? Não esquecendo dos detalhes. Como assim? Quando uma pessoa vai para longe, vocês acabam se falando menos, já não compartilham mais pequenos momentos do dia, um mico qualquer, alguém que você viu na rua e passam a falar mais de assuntos pontuais, de acontecimentos maiores.

Mas se hoje existe a internet e todas as facilidades, por que não aproveitar as redes sociais para o bem? Se sua melhor amiga não pode estar presente fisicamente, não quer dizer que ela precisa estar longe. Nesses oito meses que a Natalinha foi para a terra do Tio Sam, a gente continuou se falando como se ela ainda morasse aqui do lado. Whatsapp está aí para mandar áudio a qualquer momento, seja depois de um tropeção engraçado ou de algum estresse. Se não der para falar na hora, a gente deixa gravado nas mensagens e na hora que der, a outra escuta. Minha amiga caiu de bicicleta e me ligou rindo para contar antes mesmo de levantar.

Detalhes. Não deixem que isso se perca. Continuem compartilhando histórias, risadas, medos, desabafos. Tanto com as amigas que falo todos os dias, quanto com aquelas que falo um pouco menos, nunca deixo escapar esses pedacinhos da vida que elas perderam e também sempre quero saber o que aconteceu com elas.

É assim. A amizade quando é verdadeira, não vai embora por distância nenhuma. Minhas amigas podem ir até para o Japão, mas o que construímos não vai ficar perdido no tempo e vamos continuar a construir diariamente.

Veja mais posts sobreamigas amizade relacionamento