29 de Dezembro de 2015

Sobre Búzios, Takatakata e as surpresas da internet

Olha que legal!! Algumas coisas que a gente escreve na internet ficam para sempre. Em janeiro de 2011, escrevi um texto no meu antigo blog do blogspot, lamentando sobre como Búzios tinha perdido muitas das coisas que eu mais amava para dar lugar a um monte de boate da moda. Lamentei por um barzinho:

Takatakata

“Outro lugar que jamais irá sair da minha memória dos melhores dias de Búzios era o Takatakata. O que é a Rua das Pedras sem aquele lugar inusitado, em que o dono (o brasileiro com cara de holandês – Kaiser), vestido com um avental branco e uma bandana na cabeça, servia os melhores drinques da região? Quem nunca parou, juntou as mãozinhas no vidro para olhar o que acontecia dentro do bar? O dono escolhia quem entrava, não era um bar para qualquer um, o que fazia aumentar ainda mais a expectativa – Será que hoje eu vou conhecer?

Mas infelizmente o dono do Takatakata, com todo a sua excentricidade, não está mais aqui na terra. Soube que sofreu um AVC e foi para o céu. Uma pena. Fico pensando com quem ficou o cachorro que o acompanhava durante todas as noites dentro do bar. Depois que faleceu, aquele lugar tão diferente foi embora junto”.

E essa semana, quase cinco anos depois, parece que o filho dele de alguma maneira encontrou o meu blog, leu a minha postagem e tirou a minha dúvida sobre o cachorro “Muito bom! Sou o filho do Kaiser. O Dino(o cachorro) ficou com o melhor amigo do meu pai, mas já morreu também! Um abraço, Cesar.”

Não é demais?!

*César, se você também acabar achando essa nova postagem, muito obrigada por ter comentado no meu antigo blog, me contando sobre o cachorrinho que tantas vezes eu vi por lá. Novamente senti muita saudade do bar do seu pai e de Búzios como era naquela época. =)

Veja mais posts sobreBúzios internet Surpresa takatakata