23 de Março de 2017

Entardecer no Gragoatá – Niterói

Um dos lugares mais bonitos de Niterói é o Gragoatá. Caminhar pelo calçadão, sentar em um dos quiosques para tomar uma água de coco e ficar contemplando a vista maravilhosa do Rio de Janeiro e também da nossa cidade, é uma delícia.

Essa é uma das coisas que eu mais gosto de fazer – ir para o Gragoatá no entardecer. Fico completamente apaixonada pela vista. Posso ir todos os dias sem enjoar. É como se a cada novo dia, uma nova pintura acontecesse bem ali, na minha frente. A cada piscar de olhos, novas tintas são jogadas na tela.

O dia hoje não estava dos mais limpos, mesmo assim pedi para Vinicius ir comigo ver o pôr-do-sol. Mesmo com as nuvens o entardecer no Gragoatá foi lindo e rendeu fotos maravilhosas.

Entardecer no Gragoatá

Ah, a igrejinha da Ilha da Boa Viagem! Mesmo morando em Niterói há 34 anos, eu nunca fui nessa igrejinha – ela ficou fechada durante vinte anos e reabriu para visitação no ano passado, mas não sei se continua. Vou buscar essa informação tanto para visitar, quanto para contar para vocês.

Pelo que eu andei pesquisando, acho que essa ilha da Boa Viagem divide o bairro da Boa Viagem do bairro Gragoatá – me corrijam se eu estiver errada!! =) – . Sempre achei essa igreja linda, mas nunca soube a história dela. Apenas recentemente eu descobri que a Igrejinha que fica no topo da ilha é virada para o mar, pois no século XVIII, os padres davam dali do alto as bençãos para os marinheiros que iam seguir viagem. Lá também aconteciam despedidas das famílias dos militares que ficavam acompanhando a saída deles pelo mar.

Até a Valentina se apaixonou pela vista da cidade! Ela não é boba, né? Ama passear pelo Gragoatá! <3

E o MAC? Tão lindo!!

É até difícil parar de fotografar, né?

Tem também os pequenos detalhes…

Atrás dessa ilha também existem ruínas de um pequeno forte, erguido entre 1690 e 1702, que servia como ponto de observação para a defesa do litoral e controle de navegação na Baía de Guanabara. Você sabia? Não tenho certeza, mas desconfio que essas escadinhas devem ter feito parte dele.

Surra de foto e impossível escolher uma só! Gragoatá e Boa Viagem… <3

O céu não estava limpo, mas as nuvens não deram todo um charme?

Nem Vinicius resistiu e também fez os registros dele…

Esse céu rosinha… <3

A Valentina gostou tanto, que mesmo quando estávamos no carro, ela continuou observando a paisagem. Quem resiste, não é mesmo?

Foram MUITAS fotos!! Tudo que é bonito vale a pena compartilhar. Esse é um programa que você não precisa de dinheiro para curtir e é lindo demais!! Sozinho, acompanhado… Não importa! Passear pelo Gragoatá, pela Boa Viagem é um colírio para os olhos e uma maneira de sentir aquela felicidade gostosa. É um passeio que faz bem para a alma e para o coração.



Veja mais posts sobreBoa Viagem fotos Gragoatá Niterói Turismo viagem viajar
14 de Março de 2017

Quality Hotel – Ótima opção de hospedagem em Itaipava

Depois do delicioso almoço na nossa chegada em Itaipava, fomos conhecer o Quality Hotel. Chegamos e fomos muito bem recepcionados pela simpática equipe da recepção. Ali começou o meu caso de amor com a nossa hospedagem. Para começar, o hotel fica dentro de um condomínio – Granja Brasil Resort – enorme e lindo. Se você quiser ficar livre do carro, ele fica localizado bem próximo dos shoppings e de algumas opções gastronômicas e ainda possui dois lindos restaurantes e um café no condomínio. É só atravessar a rua para matar a fome.

Ficamos no segundo andar, no apartamento Luxo King Não Fumante e quando entramos no quarto, eu fiquei encantada. Em cima da escrivaninha tinha um docinho de boas vindas – não é fofo demais? Vinicius adorou a cafeteira e o microondas – apesar de não termos usado nenhum dos dois -, mas é ótimo ter essa opção em um quarto de hotel, não acham?

O banheiro também era ótimo! Grande, com um espelhão e uma bancada enorme. E ao chuveiro também era aquele que a gente ama, que cai bastante água, fazendo com que o banho seja ainda mais gostoso!

Mas é claro que a minha paixão imediata foi pela cama. Se tem uma coisa que eu AMO nas viagens, são hotéis que investem nisso. E o Quality Hotel Itaipava caprichou nesse quesito. A cama king era macia – nem muito nem pouco, era perfeita – e a roupa de cama era aquela que eu sinto vontade de levar para casa – gente, em que lugar encontro esse tipo de edredom que parece abraçar a gente?!

A decoração do quarto também era linda! Amei os quadros e a combinação de branco com detalhes azuis na cama. Confesso que quando estou buscando hospedagens na internet e vejo nas fotos aqueles edredons coloridos, estampados, desisto do hotel, mesmo que a avaliação seja excelente. Acho que nada no mundo é mais delicioso do que chegar em um quarto e encontrar essas roupas de cama bem branquinhas, cheirosas e macias. A cor como detalhe deixa tudo ainda mais bonito.

Hotéis, por favor, invistam em roupas de cama assim!! A gente agradece!

Já fiquei com vontade de me jogar nessa cama deliciosa, mas Vinicius queria ver o restante das coisas. Abrimos a cortina e demos de cara com uma piscina MARA!!!

É claro que já ficamos morrendo de vontade de dar um mergulho, mas a dúvida surgiu: piscina ou cama? Os dois eram irresistíveis. Como já era finalzinho de tarde e em Itaipava não fica o calor absurdo do Rio, decidimos aproveitar para nadar no dia seguinte e dar uma descansada básica até a hora do jantar.

Apaguei em questão de segundos. Esse edredom tem um poder incrível. Preciso de um assim o quanto antes. E quando acordei, Vinicius ainda estava sonhando. Resolvi dar uma olhada na temperatura do lado de fora e fiquei hipnotizada. O que é essa iluminação?

Fiquei um tempão na janela do quarto, pensando na vida e ouvindo a música que ficava tocando na piscina. Quando Vinicius acordou, resolvemos ficar um pouquinho lá embaixo, antes de sair para fazer alguma coisa. Na área da piscina funciona um barzinho com bebidas e petiscos, uma ótima opção para ficar conversando, olhando as estrelas e a lua.

Para tudo!!!!!

Quando olhei para o céu, não pude acreditar na nossa sorte.

A lua estava MARAVILHOSA!!!! Deitei em uma das espreguiçadeiras da piscina e senti vontade de ficar por lá durante toda a noite. Tudo estava PERFEITO!! Vinicius ao meu lado, um céu incrível, uma piscina que eu queria chamar de minha e ótimas músicas que criavam uma trilha sonora para aquele momento.

Fiquei me sentindo em um filme, uma novela … Sem dúvida nenhuma essa foi mais uma daquelas experiências únicas, que guardamos na gavetinha da nossa memória para sempre.

Só saímos de lá, quando o frio começou a nos expulsar. E que delícia!! Sou completamente apaixonada por esse clima mais geladinho. Foi um excelente pretexto para procurar um restaurante com um bom vinho – amanhã eu conto para vocês qual foi a nossa escolha.

A noite no nosso quarto não poderia ter sido melhor. A cortina é aquela que não deixa luz alguma entrar. Acho que eu estava tão cansada depois de uma semana estressante, que apaguei antes da meia noite e só acordei com o despertador, quando já passava de nove da manhã. Estava me sentindo revigorada, cheia de energia e feliz.

Fomos para o café da manhã e tivemos mais uma grata surpresa, uma mesa repleta de coisas gostosas. Pães de vários tipos, bolos, salsicha, ovo mexido, bombas de chocolate, panquecas e por aí vai. Como não ser completamente feliz assim? Tem coisa melhor do que um bom café da manhã?

Para não ficar com a consciência pesada depois de tantas gordices, também rolou aquele prato de frutas.

Resolvemos aproveitar o dia na piscina do hotel. A água estava deliciosa – nem gelada demais nem muito quente-  e o dia estava lindo! Foi ótimo para relaxar, olhando a montanha e curtindo aquele dia maravilhoso, sem ter nenhuma outra preocupação.

Chegamos a pensar em fazer uma sauna e uma hidro – que ficam no mesmo andar da piscina -, mas tudo estava tão gostoso naquela água, que acabamos ficando por lá até a barriga começar a roncar.

Foto: Quality Hotel Itaipava

Fomos almoçar em um restaurante que a gente já tinha conhecido em Teresópolis. Hummmmmm… A comida do Vagão era tão gostosa quanto a que provamos por lá e lamentamos por ainda não ter um desse em Niterói – depois vou contar mais sobre ele aqui no blog.

Depois do almoço, começou a cair uma chuvinha e aproveitamos para tirar um cochilo.  Quando a chuva passou, fomos ao Chez Bonbon – que fica na frente do Quality Hotel, dentro do condomínio – para tomar um chocolate quente.

Sério, me acostumaria fácil com essa vida.

E na volta, resolvemos ficar mais uma vez na piscina até a hora do jantar (escolhemos um creperia ótimaaaaa, depois vou contar sobre ela).

A lua deu mais um show.

Pena que tudo que é muito bom não dura para sempre e infelizmente ainda não ganhei na loteria, não consegui ficar rica para viver em um hotel maravilhoso como esse durante todos os dias do ano. Então, a gente vai aproveitando esses momentos, esses dias de felicidade longe da violência, com quem a gente ama, em um lugar que torna tudo ainda mais perfeito!

Aproveitamos mais um café da manhã delicioso antes de ir embora e na hora do check-out, mais uma vez, a equipe do Quality hotel foi totalmente simpática. Adoro quando somos recebidos dessa maneira em hotéis, restaurantes e lojas. Sinto vontade de indicar para todo mundo e de voltar muitas outras vezes.

Super indico o Quality Hotel Itaipava para todos que queiram se hospedar nessa cidade repleta de boa gastronomia, com lojas e mais lojas de decoração e um clima que não dá vontade de descer a serra para voltar para casa. Espero voltar outras vezes.

E se você quiser dar uma olhada nas tarifas do Quality Hotel Itaipava, é só clicar aqui.

*Durante essa semana vou dar muitas outras dicas de Itaipava. Não deixe de acompanhar! 

 



Veja mais posts sobre destino hospedagem hotéis Hotel Itaipava Quality hotel itaipava viagem viajar